Na quarta-feira, dia 2, aconteceu a premiere de “Coringa” no Festival de Cinema de Nova York! Confira em nossa galeria mais de 100 fotos em HQ:


Confira todas as imagens deste álbum

Atualizei a galeria com as fotos em HQ do elenco e equipe do filme “Coringa” durante a premiere no Festival de Toronto, que aconteceu ontem!


Confira todas as imagens deste álbum

Confira também as fotos do Tribute Gala do Festival. Joaquin foi homenageado com o prêmio inaugural Tribute Actor (o discurso completo e legendado de Joaquin, você pode assistir aqui).


Confira todas as imagens deste álbum

Elenco e equipe do filme “Coringa” participou ontem de uma sessão de perguntas e respostas no Festival Internacional de Toronto.

Joaquin Phoenix tem três indicações ao Oscar, quatro indicações ao Globo de Ouro (e uma vitória) e um papel em outro filme que já está sendo cotado ao Oscar, mas em um discurso emocionante na noite de segunda-feira, o ator de “Coringa” deixou claro que nada disso teria sido possível sem seu falecido irmão River Phoenix.

Phoenix foi um dos dois atores premiados com o TIFF Tribute Actor Award, após uma apresentação do ator Willem Dafoe – que Phoenix também interrompeu com uma aparição surpresa.

O discurso de Phoenix foi muito mais emocionante, detalhando várias pessoas que ele creditou por ajudá-lo a se tornar o ator que ele é hoje.

Phoenix fechou seu discurso no que parecia ser uma referência a sua namorada, a atriz Rooney Mara, que fez o filme “The Girl with the Dragon Tattoo” e que também estava presente durante a noite.

Atualizado: Confira abaixo o discurso completo de Joaquin (legendado):

Fonte.
Vídeo original: TIFF Talks.

Atualizei a galeria com mais de 200 fotos em HQ do Joaquin Phoenix na cerimônia de encerramento e premiação do Festival de Veneza, que aconteceu ontem, dia 7.


Confira todas as imagens deste álbum

Aconteceu hoje a entrega dos prêmios que estavam em competição no Festival de Veneza e “Coringa” (Joker) recebeu o prêmio maior, o de Melhor filme (Leão de Ouro)! Confira o discurso de Todd Phillips legendado:

Confira a lista completa:

  • Leão de Ouro – Coringa, de Todd Phillips
  • Leão de Prata, Grande Prêmio do Júri – J’Accuse, de Roman Polanski
  • Leão de Prata, Melhor Diretor – Roy Andersson, por About Endlessness
  • Taça Volpi para a Melhor Atriz – Ariane Ascaride, por Gloria Mundi, de Robert Guédiguian
  • Taça Volpi para o Melhor Ator – Luca Marinelli, por Martin Eden, de Pietro Marcello
  • Melhor Roteiro – Yonfan, por N. 7, Cherry Lane
  • Prêmio Especial do Júri – La mafia non è più quella di una volta, de Franco Maresco
  • Prêmio Marcello Mastroianni para o Melhor Jovem Ator ou Atriz – Toby Wallace, por Babyteeth, de Shannon Murphy

O diretor Todd Phillips e Joaquin Phoenix estava presentes na cerimônia. Em breve atualizaremos a galeria com todas as fotos!

Fonte.

Após a coletiva de imprensa no festival de Veneza, Joaquin falou com alguns jornalistas com exclusividade. Confira (sem legenda):

Confira abaixo a coletiva de imprensa completa (sem legenda) de “Coringa” que aconteceu ontem no festival de Veneza:

A estréia de “Coringa” no Festival de Cinema de Veneza atraiu aplausos que duraram cerca de oito minutos neste sábado à noite para o ator Joaquin Phoenix, o diretor Todd Phillips e a emocionante, mas angustiante, história de origem que mapearam para o vilão de Batman.

Phoenix e Phillips foram acompanhados na Sala Grande por Zazie Beetz, que também estrela o filme como a vizinha do personagem de Phoenix. Robert De Niro, que interpreta um apresentador de um talk-show, não estava presente.

O burburinho em Veneza vinha crescendo constantemente em torno do filme da Warner Bros., desde a estréia do mês passado como parte da programação até o clímax das duas exibições da imprensa e da estréia no tapete vermelho no sábado. As duas sessões de imprensa foram lotadas, com a segunda também sendo muito aplaudindo no final e aplaudindo quando o nome de Phoenix apareceu nos créditos finais.

Fonte.

Confira em nossa galeria as fotos do tapete vermelho:


Confira todas as imagens deste álbum

Joaquin Phoenix, que já está gerando burburinhos de prêmios, disse que “queria a liberdade de criar algo que não era identificável” no filme Coringa, e não se deixou influenciar por nenhuma versão anterior do personagem ou o classificou como um tipo familiar.

“O que foi tão atraente nesse personagem para mim é que ele é tão difícil de definir. Você realmente não quer defini-lo ”, disse Phoenix na conferência de imprensa do filme no Festival de Veneza. “Todo dia parecia que estávamos descobrindo novos aspectos desse personagem … até o último dia.”

“Eu identifiquei Arthur como uma personalidade em particular, um tipo em particular”, disse Phoenix. Mas “eu também queria a liberdade de criar algo que não fosse identificável. Este é um personagem fictício. Eu não queria que um psiquiatra fosse capaz de identificar o tipo de pessoa que ele era … Vamos nos afastar disso, e queremos ter espaço para criar o que queremos “.

Phoenix disse que as versões anteriores do personagem – como Heath Ledger há uma década – não o influenciaram. “Eu não me referi a nenhuma iteração passada do personagem”, disse ele. “Parecia algo que foi nossa criação, de certa forma.”

Além de Phoenix, o elenco de Joker inclui Robert De Niro, Zazie Beetz e Marc Maron. O filme é dirigido por Todd Phillips e co-escrito por Phillips e Scott Silver.

Com seu tom sombrio e proibitivo, o filme difere da maioria dos filmes de quadrinhos. Phillips disse que queria fazer algo semelhante aos estudos de personagens vistos em filmes dos anos 1970, época em que “Coringa” se passa.

“Por que você não pode fazer um filme de quadrinhos de gênero como esse?”, Disse Phillips. “Achamos que essa poderia ser uma abordagem interessante para esse gênero. Não sei ao certo o que isso significa para a DC ou a Marvel … Foi um filme difícil convencer a DC e o estúdio a princípio, mas pensamos em continuar pressionando porque pensamos que seria especial. ”

A abordagem significava que eles poderiam tentar criar algo totalmente novo. “Foi realmente libertador”, disse Phillips. “Realmente não havia regras ou limites para isso.”

Phillips disse que “The Man Who Laughs”, a adaptação cinematográfica do romance clássico de Victor Hugo, de 1928, foi uma “grande inspiração” para ele e Silver quando começaram a desenvolver “Coringa”. Além de “The Man Who Laughs”, Phillips disse que também teve inspiração nos filmes de Martin Scorsese, notadamente “Taxi Driver”, “Raging Bull” e “The King of Comedy”, e Milos Forman, “One Flew Over the Cuckoo’s Nest”.

Antes de sua estréia mundial no hoje à noite no festival de Veneza, “Coringa” foi exibido duas vezes no festival neste sábado.

“Coringa” também será exibido no Festival de Cinema de Toronto. Está programado para ser lançado nos cinemas no dia 4 de outubro.

Fonte: Variety.

Joaquin Phoenix, Zazie Beetz, o diretor Todd Phillips e a produtora Emma Tillinger Koskoff estiveram presentes hoje no Festival Internacional de Veneza para divulgar o filme “Coringa”. Confira em nossa galeria as fotos do photocall, conferência de imprensa e algumas fotos deles chegando ao festival:


Confira todas as imagens deste álbum

Confira todas as imagens deste álbum

Confira todas as imagens deste álbum