Octavia Spencer está pedindo a Hollywood que faça da seleção de pessoas com deficiência uma prioridade.

A atriz faz parte de um novo PSA que exige uma maior inclusão das pessoas com deficiência no entretenimento. A campanha coincide com o 30º aniversário de domingo da Lei dos Americanos com Deficiência (ADA).

Spencer discutiu a importância de todos serem capazes de ver a si mesmos e suas vidas refletidos com precisão na tela.

“Nada pode substituir a experiência vivida e a representação autêntica”, disse ela. “É por isso que é imperativo que escalemos o ator apropriado para o papel apropriado”.

Spencer discutiu o impacto que sentiu ao ver uma família de cor na tela quando jovem, assistindo ao programa “Good Times”. A série, que foi exibida na CBS entre 1974 e 1979, foi criada por Norman Lear e quebrou barreiras como a primeira comédia de família afro-americana.

Spencer se junta a George Clooney, Joaquin Phoenix e outros artistas que se associaram à Ruderman Family Foundation para assinar uma carta aberta pedindo aos executivos de Hollywood que priorizem a inclusão de pessoas com deficiência na tela.

Para ler a carta e assinar, clique aqui.

Fonte.